Como passei em medicina na federal #4

Este texto é uma continuação de Como passei em medicina na federal.

Já falamos como é fundamental que você utilize exercícios para estudar de forma mais eficiente e como você pode fazer incluir os exercícios na sua rotina de estudos. Agora vamos falar de outras técnicas importantes para otimizar seu aprendizado.

Hoje vamos focar em como organizar o estudo no tempo. Não é sobre horas de estudo, dias de estudo, descanso etc. Estude o máximo que conseguir e puder. Minhas considerações serão sobre como organizar o conteúdo no tempo.

***

Não estude por blocos.

Nós aprendemos na escola a organizar o estudo por blocos. Primeiro aprendemos movimento uniforme, depois movimento uniformemente variado, depois sei lá o quê.

Isso é justificável no sentido de que precisamos aprender algumas coisas para compreendermos outras. Na medicina, aprendemos anatomia antes de aprender clínica. Mas mesmo isso não é absoluto. A tendência das faculdades de medicina no Brasil tem sido cada vez mais adiantar o contato dos alunos com a clínica. Aprendemos fisiologia concomitantemente com a semiotécnica. Assim é melhor, pois o estudo da semiotécnica reforça o que aprendemos na fisiologia, e vice-versa.

Neste vídeo, nosso mestre Bob Bee fala como o estudo intercalado é melhor do que o estudo em blocos. É melhor estudar meia hora de um assunto em quatro dias diferentes do que estudar duas horas dele de uma vez.

Ou seja, você tem que estudar um pouco de várias coisas em um dia e demorar vários dias para estudar um único tópico. 

Ops!

Este texto é exclusivo para assinantes.

Com apenas um trocado por mês, você tem acesso irrestrito ao nosso conteúdo mais inteligente, ácido e polêmico.

E o mais importante: você apoia o blog.

***

Links das sequências:

Parte V

Parte VI

4 comentários em “Como passei em medicina na federal #4

Adicione o seu

  1. Gostei muito dos textos e dicas. Já usava dos exercícios mas vou aplicar as revisões da forma que explicou. E rumo a UFU 2021!

Deixe uma resposta

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑