Pare de se preocupar com os gatinhos

Existem pessoas que dizem que gostam mais de bicho do que de gente e que preferem contribuir para organizações que ajudam animais do que para organizações que ajudam pessoas.

Para essas pessoas: parem de ajudar gatinhos e cachorrinhos!

***

Eu fiz uma jogada com o título do texto e a introdução para os leitores acharem que eu ia falar mal de quem se dedica a salvar gatinhos e pedir a eles que se dediquem a salvar pessoas. Não é nada disso.

Primeiro, porque você não precisa deixar de salvar um para salvar outro. Segundo, porque salvar gatinhos é muito nobre e importante, assim como salvar pessoas.

Mas se você gosta de animais a ponto de trabalhar ou doar dinheiro a uma instituição que cuida de gatinhos e cachorrinhos, eu quero oferecer uma perspectiva alternativa: você provavelmente vai ajudar mais a diminuir o sofrimento no mundo se ajudar instituições que cuidam de galinhas, porcos, ovelhas e vacas.

Todos merecem amor. Mas alguns têm muito, e muitos têm pouco.

Já existem muitas, muitas pessoas ajudando outras pessoas. Existem muitas, muitas pessoas ajudando gatinhos e cachorrinhos.

Isso é nobre, é bom e é necessário.

Mas também é bom, nobre e necessário ajudar animais de fazenda. E existem muito mais animais de fazenda sofrendo no mundo inteiro e de forma mais intensa do que animais de estimação sofrem. Por outro lado, existem muito menos pessoas ajudando especificamente esses animais.

Algumas pessoas, infelizmente, acham que não vale a pena proteger bicho. Quem não quer ajudar cachorrinhos e gatinhos dificilmente vai querer ajudar patos, peixes ou cabras.

Mas quem protege animais de estimação estará disposto a ajudar animais de fazenda. E eles precisam muito de nossa ajuda, ainda mais do que os cachorrinhos e gatinhos precisam.

Talvez você nunca tenha parado para pensar que:

  1. Apenas 3% de todos os recursos doados em 2017 nos EUA foram destinados a causas ambientais e de bem estar animal. Em comparação, 31% foi para instituições religiosas, 14% foi para instituições educacionais, e 5% foi para arte e cultura.
  2. Para cada gato ou cão que sofre eutanásia, 3.400 animais terrestres são enjaulados e abatidos. Nove bilhões de animais foram criados e abatidos em 2015 nos EUA.

Ou seja, animais de fazenda representam um número imensamente maior de indivíduos, que sofrem sistematicamente de forma absurdamente cruel, enquanto recebem a minoria dos esforços para bem estar animal.

Todos merecem alegria. Todos merecem felicidade. Pense nisso.

cabras felizes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑