Música da semana #5

Música

Atrás da Porta

 

Autoria

Chico Buarque e Francis Hime.

 

Melhor verso

Dei pra maldizer o nosso lar/ Pra sujar teu nome, te humilhar/ E me vingar a qualquer preço/ Te adorando, pelo avesso/ Pra mostrar que ainda sou tua.

 

Meus dois centavos

Eu sou fã de Chico e de Francis, mas ainda acho o primeiro supervalorizado. Não que ele não seja excelente, ele é, mas tenho a impressão de que ele é um pouco mais hypado do que merece. De toda forma, esta letra é uma das evidências de que ele é um letrista espetacular, e talvez seja eu quem está menosprezando o artista.

A letra e a música espetaculares são potencializadas ainda mais pela interpretação poderosa de Elis Regina, como de costume. Das muitas cantoras boas que a música brasileira tem, Elis é minha preferida. O vídeo que coloquei no link ali em cima é especialmente emocionante. Busque um lenço.

O verso que destaquei é uma das melhores sequências da música brasileira e coroa essa música e essa letra sensacionais. A história desse verso é interessante. Chico havia escrito a primeira parte da letra enquanto se embebedava com Francis Hime, mas não escreveu a segunda parte, que começa com “dei pra maldizer…”. Depois de algum tempo, Francis comunicou a Chico que a melodia estava pronta, e Elis lhe cantou a música com a parte da letra que estava pronta. Depois de ouvir a cantora, Chico acabou a letra com esses versos sensacionais.

O que é que uma Elis não faz, né?

A ideia da ex-amante que confessa maldizer seu ex-amor, não por realmente odiá-lo, mas por amá-lo ainda, é poderosa. E é algo que sabemos que faz parte da psicologia humana: o impulso de destruir aquilo que é desejado, mas não possuído.

Tem gente que acha que “amor não dói” — que o que dói é ciúme, raiva, coisas mal resolvidas etc. Eu não sei. Não estou dizendo que está errado, mas há outra forma de interpretar isso. Essa tentativa de purificar o amor e separá-lo de todo o resto que também faz parte da psicologia humana é platônica demais. Seres humanos amam, mas não deixam de expressar seu lado ruim enquanto fazem isso. 

Nosso amor é contaminado por todas as outras paixões que nos abatem.

elis.jpg

O que você acha?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑