Quais ideias nos ajudam a cultivar a persistência e consistência no nosso dia a dia?

Persistência e consistência são habilidades interessantes e eu acho que há algumas ideias que podem nos ajudar a implantá-las em nosso modo de operar no mundo.

Somos todos maus caracteres na cama

Para mudar a si mesmo, mude suas circunstâncias.

Se você quer comer uma maça de sobremesa em vez de comer um chocolate, sua escolha crítica não é na hora de escolher o que comer, é na hora de escolher o que comprar.

Se você tiver à disposição um chocolate e uma maçã, você pode escolher a maça no primeiro dia e no segundo, quando está de bom humor ou quando a vida no trabalho está indo bem. Mas mais cedo ou mais tarde, quando você estiver pouco motivado e com tendências autoindulgentes, seu mau caratismo vai bater mais forte e você não vai resistir ao chocolate.

Para mudar a si mesmo, mude suas circunstâncias. Não confie na sua força de vontade, porque ela é vacilante. Adapte seu ambiente de forma que ele trabalhe a seu favor.

Deixe o celular no cômodo ao lado. Instale um bloqueador de endereços no navegador. Deixe uma camisinha na carteira. Jogue seus isqueiros fora. Tire a televisão do quarto. Antes de se deitar, deixe sua roupa de malhar pronta para ser vestida na manhã seguinte.

Como disse Ortega y Gasset, você é você e sua circunstância, e se você não salva a ela, não salva a si mesmo.

O futuro é um labirinto pra quem não dá continuação

Grande parte do sucesso vem da continuação, de fazer algo por muito tempo, ajustando sua performance, tornando-se melhor no que for que você esteja fazendo.

Imagine onde você estaria hoje se você não tivesse parado de treinar judô com 12 anos. Imagine onde você estaria hoje se não tivesse parado de guardar cinco reais por dia, dez anos atrás. Imagine onde você estaria se tivesse continuado com seu hobbie de escrever um blog na internet.

As melhores recompensas vêm depois de muitos anos fazendo algo diligentemente, com persistência e consistência.

As pessoas não chegam a um IMC de 50, com hipertensão arterial e diabetes aos 45 anos do nada. São anos de maus hábitos e negligência consigo próprio. Da mesma forma, as pessoas não chegam aos 60 anos saudáveis, em forma e felizes do nada. São anos fazendo coisas simples consistentemente.

Você não precisa tomar bomba, fazer dietas super-restritivas, gastar horas estudando formas mais efetivas de malhar. Você só precisa continuar malhando. Continuar correndo. Continuar estudando. Continuar treinando. Continuar dizendo “eu te amo” para as pessoas importantes.

Basta incorporar esses hábitos bem simples no seu cotidiano, ter paciência, confiar no método e ir até o fim.

Você não é tão bom no que faz, ainda

Se você escreveu apenas dez textos, provavelmente nenhum é tão bom. Se você jogou apenas dez partidas de xadrez, provavelmente você é bem ruim. Se você escreveu dez respostas no Quora até agora, provavelmente eu nem sei quem você é.

Depois de mil textos, mil partidas, mil respostas, aí você evoluiu. Mas primeiro você precisa falhar.

Esse é o poder da continuidade. Seus primeiros dez textos não precisam ser geniais. Na verdade, eles não serão, isso é garantido. Você precisa fazer mil textos para conseguir algo bom.

Falhe muito, falhe rápido e falhe melhor.

E não é uma questão estatística apenas. É uma questão de evolução. Quanto mais você escreve, se você faz isso de forma honesta e com atenção, melhor você fica.

Os juros compostos das habilidades

Uma noção comum e errônea de como nosso cérebro funciona é aquela que trata nossa memória como se fosse um gravador ou um disco rígido que guarda informação, e que quanto mais informações guardamos, mais capacidade desse HD ocupamos, e mais difícil é aprender coisas novas.

Mas não é assim.

Nossa memória funciona com links. Informações novas são assimiladas e estocadas de acordo com nossa habilidade de ligar esse novo conceito a conceitos que já existiam antes. Ou seja, quanto mais você sabe, mais você aprende. Quanto mais informação de qualidade sobre um assunto você tem, mais fácil é incorporar novo conhecimento a essa teia.

Isso vale para outras habilidades também. Quanto melhor você é em alguma prática (judô, por exemplo), mais letal cada habilidade nova se torna.

Por isso, treinar com consistência paga dividendos mais altos em longo prazo. Depois que você tem anos de experiência em uma tarefa específica, à qual você se dedicou de verdade por muitas horas, um novato não vai te alcançar mais, porque a partir daí, cada hora que você dedica te põe mais à frente ainda do novato.

Se você não parar, você se torna inalcançável.

Jogue em longo prazo e ignore o ruído

Nós vivemos em geral com uma visão bem míope da realidade, muito focados no nosso microambiente temporal e espacial. Tragédias pequenas, mas incipientes, são capazes de perturbar sobremaneira nossa vida mental.

Da mesma forma, recompensas rápidas e intensas às vezes se tornam nossas principais fontes de motivação. Queremos resultados rápidos e positivos. Mas correr atrás dessas recompensas breves pode atrapalhar sua capacidade de sucesso em longo prazo.

É melhor criar o hábito de consistentemente comer bem e malhar diariamente e manter isso até o fim da vida do que se meter a fazer jejuns de sete dias e conjuntos de supersets que você não vai continuar fazendo por mais do que algumas semanas.

Foque no longo prazo, com paciência e consistência. E vá até o fim!

Paciência e consistência

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑