20 conselhos para quem vai começar a faculdade de medicina em 2020

Esses dias um amigo passou em medicina e me perguntou o que eu gostaria de ter ouvido quando estava começando o curso, mais de cinco anos atrás. Estando no sexto ano, eu já vejo algumas coisas que não via naquela época e que poderiam ter me ajudado e que talvez ajude quem está começando agora.... Continuar Lendo →

Cachimbo da paz

Muita gente acha que Gabriel, o Pensador inventou o termo “cachimbo da paz” para se referir a maconha. Não foi. O “cachimbo da paz” tem uma história mais antiga. Contam algumas lendas nascidas na América do Norte pré-invasão europeia que várias gerações atrás houve um período de fome. O chefe indígena ordenou que dois jovens... Continuar Lendo →

A cocaína no cérebro

Um dos neurotransmissores mais emblemáticos do cérebro humano é a dopamina (DA). O sistema dopaminérgico está profundamente ligado a algumas das doenças neuropsiquiátricas mais importantes que conhecemos, incluindo drogadição, esquizofrenia, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) e Parkinson.  Para entender como a cocaína produz seus efeitos, precisamos entender como a DA funciona. A... Continuar Lendo →

Da morte apenas nascemos

Vinicius de Moraes não nos deixou realmente uma obra filosófica. Ele tinha um gênio desorganizado e hedonista demais para longas prosas profundas. Seu talento foi empregado mais em curtas crônicas, poemas e letras de músicas, através dos quais temos uma janela para qual teria sido sua filosofia. Um dos meus poemas preferidos, de Vinicius e... Continuar Lendo →

As drogas no cérebro

Nos anos 70, Raul Seixas lançou uma música sobre os pequenos aborrecimentos pelos quais passamos cotidianamente, Eu também vou reclamar. Um de seus versos dizia assim: "Dois problemas se misturam, a verdade do universo e a prestação que vai vencer". Essa frase encerra um aspecto muito particular dos seres humanos dentre todos os outros seres... Continuar Lendo →

O demônio da noite

A palavra “pesadelo” é curiosa. Nosso primeiro impulso é defini-la como um sonho ruim, mas pesadelos são mais que isso. Existem sonhos bons e sonhos ruins, e existem pesadelos. Eles são outra coisa. Em inglês, pesadelo é “nightmare”, o que também é diferente de “bad dream”. A partícula “mare” originalmente se refere a um demônio... Continuar Lendo →

Fevereiros

Em fevereiro é meu aniversário. Aniversários são dias comuns, pois nada especial acontece. Eventualmente você se torna legalmente capaz de fazer algo ou sofrer alguma sanção, mas isso é exceção, e é tanto uma simples convenção social quanto o é a sua “data de nascimento” em si. No mais, os pássaros continuam piando, a chuva... Continuar Lendo →

Nós, os vivos

Ontem, o astro da NBA Kobe Bryant morreu inesperadamente e tragicamente em um acidente de helicóptero, que levou também sua filha de nove anos e outras sete pessoas. Essa triste notícia me lembrou o texto abaixo, que é de Victor Lisboa, uma de minhas maiores inspirações literárias. Vale a pena conferir. Grifos meus. “A morte,... Continuar Lendo →

O perigo dos alimentos artificiais

Uma coisa que me chateia é quando alguém fala que prefere tal coisa porque “tal coisa é natural”. Isso acontece, por exemplo, quando alguém diz que “adoçante faz mal” e que “açúcar é melhor porque é natural”, o que é errado de tantas formas diferentes que eu nem sei por onde começar. Primeiro, o açúcar... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑